Periodontia

Se já algum médico lhe disse que sofre de doença periodontal, então saiba que não está só!

Muitos adultos, calcula-se que mais de 45% da população Portuguesa, com idade superior a 30 anos sofre de alguma das formas de periodontite. Esta doença pode ir desde a uma simples inflamação nas gengivas até um problema bastante grave e sério, de destruição do tecido mole e ósseo que suportam os dentes, originando consequentemente a provável perda dos dentes.
Parar esta doença, abrandá-la ou ficar pior, depende grandemente da menor ou maior higiene oral diária dedicada aos seus dentes e gengivas.

Conserve sempre os seus dentes

e-m-periodontia

  • Com Médicos especialistas
  • Com tratamentos conservadores
  • Com tratamentos periodontais laser
  • Com opção cirúrgica periodontal
  • Todos os dias, das 09 às 21:00
    (exceto sábados e domingos)

Sintomas doença periodontal.

Na periodontia, periodontite, ou doença periodontal, raramente há dor ao início da doença, e por isso é importante agendar uma consulta com o médico dentista especializado em periodontia, se observar ou sentir algum dos seguintes sintomas:

  • Gengivas vermelhas ou/e inchadas;
  • Gengivas que sangram sempre que escova os dentes ou usa fio dentário;
  • Mau hálito;
  • Dor durante a mastigação;
  • Sensibilidade dentária;
  • Gengivas retraídas que exponham a parte inferior do dente;
  • Dentes soltos;
  • Alterações de encaixe em qualquer parte dos dentes.

O que causa a periodontite.

A periodontia ou doença periodontal, é essencialmente uma doença causada por bactérias, que formam uma substância espessa, chamada de placa dentária, que se forma nos dentes e se acumula particularmente em volta da linha das gengivas.
Quando a placa se acumula em volta da margem das gengivas, as bactérias produzem toxinas e ácidos que irritam as gengivas, e que originam o aparecimento da placa em forma branca e macia claramente visível, que é responsável por causar o sangramento e a gengivite. Se a gengivite não for tratada, a placa endurece e forma os cálculos (tártaro).
Quando isto acontece, o escovar dos dentes e o uso de fio dentário já não remove o tártaro, e as bactérias introduzem-se nos tecidos gengivais. Estas bactérias e toxinas iniciam então um processo de destruição às gengivas, aos ligamentos que se ligam aos dentes e ao osso que suporta o dente, levando por vezes à perda precoce de um ou mais dentes.

e-m-periodontia1

e-m-periodontia2

e-m-periodontia3

Como é tratada a doença periodontal?

O grande objetivo do tratamento é controlar a infeção provocada pelas bactérias. O numero e os tipos de tratamentos vão variar em função da extensão e gravidade da doença apresentada por cada paciente. Mas é muito importante saber que qualquer tipo de tratamento requer que o paciente faça uma boa higiene oral diária também em casa. É possível que o nosso médico sugira algumas mudanças no estilo de vida, como por exemplo deixar de fumar (se for fumador).

Limpeza profunda.

O primeiro passo do tratamento é remover a placa através de um método especifico de limpeza profunda chamado de Raspagem ou Alisamento Radicular. Raspagem significa raspar o tártaro acima e abaixo da linha gengival. Alisamento radicular consiste em eliminar tecidos ásperos da raiz do dente, onde se localizam as bactérias que desenvolvem a doença. Na Extensão Médica, dispomos de tecnologia laser Erbium Yag específica para aumentar a qualidade e resultados do tratamento. O objetivo deste tratamento é reduzir o sangramento, inchaço e desconforto, e neste caso regredir, diminuir e manter os índices da doença em níveis muito baixos e não prejudiciais aos seus dentes.

Medicação.

Simultaneamente ao tratamento anterior de Raspagem e Alisamento Radicular, pode ser necessário incluir medicação especifica. Mas é muito importante saber que a medicação pode não substituir a necessidade de cirurgia periodontal. Dependendo da extensão e progresso da doença, o nosso médico especialista pode indicar o recurso ao tratamento cirúrgico, como única forma de obter os melhores resultados.

Cirurgia de Orla.

Esta é uma cirurgia que pode ser indicada, se a inflamação e as bolsas periodontias profundas não melhorarem com a medicação e o tratamento de limpeza profunda. Algumas vezes esta opção cirurgia é a adequada para remover os depósitos de tártaro e reduzir bolsas periodontais, tornando mais fácil manter limpa a área doente.

Enxerto gengival e tecido ósseo.

Em alguns casos, adicionalmente à cirurgia de Orla, o nosso médico poderá também indicar outro procedimento para ajudar à regeneração do tecido gengival e tecido ósseo perdidos devido à periodontite. O enxerto ósseo é feito na zona da perda de osso, para possibilitar o crescimento de osso. Em caso de perda de tecido gengival, é também possível o enxerto deste tipo de tecido, seja utilizando material sintético seja recorrendo a tecido localizado em outra área da boca.

Tratamento laser periodontal.

Na Extensão Médica e seguindo os últimos avanços científicos protocolares de tratamento periodontal, dispomos de tecnologia laser Erbium Yag específico complementar, para a desinfeção e remoção de tecido doente das bolsas periodontais, bem como para promover a estimulação de crescimento ósseo e gengival.

Como pode manter os seus dentes e gengivas saudáveis?

  • Lave os dentes duas vezes ao dia (com pasta dentes com flúor)
  • Use fio dentário regularmente entre os dentes para remover a placa dentária.
  • Visite o nosso dentista periodontista para limpeza profunda e check up periódicos.